segunda-feira, 15 de julho de 2013

Nova Strada Adventure Cabine Dupla 2014 3 Portas


Principal divisor de águas na briga pela liderança do mercado contra a Volkswagen, a Strada acaba de ser lançada oficialmente como linha 2014 com novidades (não tão novas assim): nova traseira, maior capacidade de carga, leve reestilização na dianteira da versão Working e terceira porta para a carroceria cabine dupla. Em 2013, garantidamente a picape da Fiat não perde a ponta do segmento. Será que algum concorrente poderá ameaçá-la em 2014?
A nova traseira e a terceira porta foram anunciadas pela marca italiana há mais de um mês. Logo, apenas a dianteira da versão Working e os novos volumes da caçamba são novidades de verdade.
Fiat-Strada-Adventure-2014-picape-flex-Cabine-Dupla-3-portas-Brasil-lateral-traseira
A nova frente deixou a Strada de entrada com um aspecto mais parrudo, característica bem-vinda para um veículo desse segmento. As alterações ficaram em sintonia com as novas laterais e traseira da picape, tornando o conjunto mais moderno. As versões Trekking e Adventure também se beneficiaram com a evolução lateral e da parte de trás.
A mudança traseira também foi boa para a capacidade de carga. Com os 8 cm a mais de altura da caçamba, a  Strada Working Cabine Simples ganhou 120 litros de volume (total: 1.100 l e 705 kg total), enquanto a Cabine Estendida ganhou mais 110 litros de capacidade (800 l e 685 kg total) e a Cabine Dupla foi beneficiada com mais 100 litros no seu volume (580 l e 650 kg total).
Fiat-Strada-Adventure-2014-picape-flex-Cabine-Dupla-3-portas-Brasil-interior
Cabine dupla agora tem 3 portas
A Fiat Strada continua disponível em três versões de acabamento, com três opções de motor, cabine e duas ofertas de câmbio. A Working (cabines simples, estendida e dupla) conta com o propulsor 1.4 Fire (não é o EVO), que desenvolve 85 cv de potência e 12,4 mkgf de torque com gasolina e 86 cv e 12,5 mkgf com etanol.
A Strada Trekking  (cabine dupla) tem motor 1.6 16V E.TorQ que desenvolve 115 cv e 16,2 mkgf com gasolina e 117 cv e 16,8 mkgf com etanol. A versão topo de linha, Adventure (cabines estendida e dupla), conta com transmissão manual ou manual automatizada Dualogic Plus, sempre com a motorização 1.8 16V E.TorQ, que gera 130 cv de potência e 18,4 mkgf de torque com o combustível fóssil e 132 cv e 18,9 mkgf com o derivado da cana-de-açúcar.
Fiat-Strada-Adventure-2014-picape-flex-interior-painel-Brasil
Painel da versão Adventure 2014 Dualogic
A versão Working 1.4 vem equipada, de série, com computador de bordo (distância, consumo médio, consumo instantâneo, autonomia, velocidade média e tempo de percurso), conta-giros, Fiat Code 2ª geração, Follow me home; airbag duplo fronta; freios com ABS e EBD; protetor de caçamba, chave desmodrômica, retrovisores externos com comando interno mecânico; rodas de aço estampado 5.5 x 14″ com pneus 175/70 R14; tampa da caçamba removível e com chave, tomada 12V, entre outros itens.
Além do motor 1.6, a versão Trekking Cabine Dupla vem com os equipamentos da Working com a adição de abertura elétrica bocal de abastecimento, alças de segurança lados motorista e passageiro; brake light; calotas integrais; ar-condicionado (+ para-brisas degradê); cintos de segurança retráteis de 3 pontos com regulagem de altura; direção hidráulica, faróis de neblina, janela traseira corrediça, My Car Fiat (personaliza várias funções do carro), travas elétricas (travamento automático a 20 km/h, indicador de portas abertas e luz interna com temporizador), vidros elétricos com one touch e antiesmagamento e volante com regulagem de altura, entre outros. Entre os opcionais, destaque para o bloqueio eletrônico de diferencial Locker, antes exclusivo do acabamento Adventure 1.8.
Fiat-Strada-Trekking-2014-picape-flex-Cabine-Dupla-3-portas
Strada Trekking 1.6 agora tem Locker
A versão Adventure tem os itens da Trekking, além de banco do motorista com regulagem de altura; bússola e inclinômetros longitudinal e transversal; chave canivete com telecomando para abertura e fechamento das portas; computador de bordo B (distância B, consumo médio B, velocidade média B e tempo de percurso B); retrovisores externos com luzes indicadoras de direção integradas, rodas de liga leve 5.5 X 16” + pneus de uso misto; entre outros.
ModeloCabinePreço (R$)
Fiat Strada Working 1.4Simples33.750
Fiat Strada Working 1.4Estendida36.870
Fiat Strada Working 1.4Dupla (3 portas)42.330
Fiat Strada Trekking 1.6Dupla (3 portas)48.360
Fiat Strada Adventure 1.8Estendida49.480
Fiat Strada Adventure 1.8Dupla (3 portas)54.360
Considero as versões Trekking e Adventure da picape da Fiat caras, especialmente porque não oferecem alguns itens considerados até simples, como pré-disposição para rádio.
Mas, sem dúvida, com muitas versões e possibilidades (três opções de motor e cabine e duas de câmbio), a picape Strada consegue concorrer de maneira igual ou superior com todos os concorrentes direitos. Vejam abaixo as vendas de 2013 de acordo com a Fenabrave:
1º. Fiat Strada – 95.777 unidades
2º. Volkswagen Saveiro – 53.585 unidades
3º. Chevrolet Montana – 34.559 unidades
4º. Ford Courier – 3.040 unidades
5º. Peugeot Hoggar – 566 unidades
O domínio da Strada é notável e, mais uma vez, a picape será a líder do segmento em 2013. De janeiro a setembro desse ano, conforme números acima, a picape da Fiat vendeu mais do que as quatro concorrentes somadas – líder absoluta!
Fiat-Strada-Working-2014-picape-flex-Cabine-Simples-traseira
Strada Working 1.4: única versão com cabine simples
A Volkswagen Saveiro consegue manter a disputa aquecida, mas perde pela limitação de opções: duas carrocerias (simples e estendida). uma motorização – 1.6 8V (101/104 cv) – e apenas câmbio manual. Entretanto, a marca alemã prepara uma versão cabine dupla (provavelmente 4 portas) e o novo motor 1.6 16V para a sua picape compacta, prometendo desbancar a italiana do topo! Espero que um motor menor também seja ofertado, assim como uma segunda opção de transmissão.
A Chevrolet Montana, enquanto for derivada do Agile, mesmo com a linha 2014 (que não tem a dianteira nova do hatch), continuará fixa (ou seria amargando?) na terceira colocação. O modelo tem apenas uma opção de motor, câmbio e cabine: 1.4 Econo.Flex (97/102 cv), manual de cinco marcha e simples, respectivamente. Por mais que a Montana seja um carro legal, não tem condições de vender mais do que Strada e Saveiro.
Fiat-Strada-Working-2014-picape-flex-Cabine-Estendida-portas
Dianteira da Strada Working recebeu alterações na linha 2014
Vamos esperar 2014 para ver o segmento de picapes médias pegar fogo! Até o ano que vem, a dona absoluta do pedaço é a Strada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário